SINDICATO DOS SERVIDORES

DA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA

DO ESTADO DA BAHIA

Data: 22/01/2015

ANDREA MENDONÇA PODE PROCESSAR MARCELO NILO COM BASE NA LEI MARIA DA PENHA

A secretária de Desenvolvimento, Trabalho e Renda de Salvador, Andrea Mendonça (PDT), teria sido agredida pelo presidente da Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (AL-BA), Marcelo Nilo.

A secretária de Desenvolvimento, Trabalho e Renda de Salvador, Andrea Mendonça (PDT), pode processar o presidente da Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (AL-BA), Marcelo Nilo, também do partido, com base na Lei Maria da Penha.

De acordo com a coluna Satélite, o deputado agrediu a gestora com “palavras de baixo calão” durante a reunião da terça-feira (20), na sede do partido quando o PDT decidiu manter-se ao lado de ACM Neto (DEM) em Salvador, contrariando a orientação estadual. O movimento resultou no desligamento do PDT da base de Rui Costa (PT), apesar do apoio dos deputados ao governador.

Andrea teria contratado o criminalista Gamil Föppel para dar seguimento ao processo.

Fonte: Bahia Notícias




Comentários