SINDICATO DOS SERVIDORES

DA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA

DO ESTADO DA BAHIA

Data: 28/03/2017

Bahia Notícias – Novo PCS da Assembleia terá impactos no Funprev: ‘Vou conversar com o governador’

Já em discussão na Assembleia Legislativa da Bahia, o novo Plano de Cargos e Salários (PCS) dos servidores da Casa deve impactar tanto no Orçamento da AL-BA, quanto no Fundo Financeiro da Previdência Social dos Servidores Públicos do Estado da Bahia. A perspectiva é do presidente da Assembleia, Ângelo Coronel (PSD). “Os ativos ficaram por conta da Assembleia, os inativos irão para o Funprev. Então depois disso aí irei conversar com o governador, para mostrar também qual o impacto que vai gerar no Funprev”, afirmou, em entrevista ao Bahia Notícias.

Ainda não há estimativa do impacto financeiro que a mudança, que engloba 700 funcionários, deve causar. Uma comissão instituída no último dia 17 (veja aqui), que tem como presidente o deputado Luciano Simões Filho (PMDB), e como vice, Alex Lima (PTN), reunirá os pleitos dos funcionários e trabalhará na composição do PCS. O colegiado tem um prazo de 90 dias para apresentar a proposta, renovável pelo mesmo período. “Eu sei que é uma situação delicada, o governo tem até déficit do pagamento de aposentados, mas nós vamos ver com o governador a melhor maneira de atender aos funcionários da Casa, porque não é possível que o funcionário da Casa, tanto ativo quanto inativo, tenha o salário aviltado em relação ao Tribunal de Contas do Estado, que é um órgão auxiliar da Assembleia, foi aprovado no passado o plano de cargos e salários, e o da Assembleia não foi aprovado”, aponta Coronel, que classificou a disparidade como “maldade”. “Eu fico me perguntando porque essa maldade com os funcionários da Assembleia no passado. Então esperamos corrigir essa distorção, que a gente aprove um plano que seja benéfico para o servidor, que seja confortável para a Assembleia pagar e que seja de fácil absorção pelo governo do estado no caso dos aposentados”.




Comentários