SINDICATO DOS SERVIDORES

DA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA

DO ESTADO DA BAHIA

Data: 04/10/2017

Tribuna da Bahia – Alba e UVB-Bahia inauguram a Casa do Vereador em Salvador

“A Casa do Vereador inaugura um novo tempo na política baiana”. “O vereador é o maior exército da política brasileira”. “A vida começa na cidade”. “O vereador é a célula da política”. Frases que expressam a importância do edil no exercício da atividade política no Brasil pontilharam os discursos durante a inauguração da Casa do Vereador, ocorrida na manhã de ontem, no 3º andar do Prédio Luís Eduardo Magalhães, na Assembleia Legislativa da Bahia.

A opinião do presidente da Alba, deputado Angelo Coronel (PSD); da presidente da União dos Vereadores da Bahia (UVB-BA), Edylene Ferreira (PR) e dos deputados estaduais Aderbal Caldas (PP) e Fabíola Mansur (PSB), respectivamente, deram a tônica à concorrida solenidade, em que vereadores de todo canto do estado e matizes ideológicas de espremeram junto a parlamentares e lideranças políticas e da juventude para acompanhar o ato.

A Casa do Vereador será o quartel-general em Salvador dos cerca de 4.500 vereadores baianos, onde contarão com toda a estrutura necessária em informática para a adoção de providências na defesa dos interesses dos Legislativos municipais, dos mandatos, bem como no fortalecimento do municipalismo baiano.

A criação do espaço, concebido a partir da abertura do diálogo, há cerca de 90 dias, entre os presidentes Angelo Coronel (Alba) e Edylene Ferreira (UVB-BA), vai disponibilizar ainda aos edis assessoria jurídica, cursos de capacitação e orientação em processos legislativos. O local vai funcionar de segunda a sexta-feira, no mesmo horário da Alba.

Ao destacar a importância de elevar o diálogo entre a Alba e as Câmaras Municipais, um dos principais propósitos para a instalação da Casa do Vereador, Angelo Coronel voltou a defender a independência e a altivez dos legislativos, para que não sejam meros carimbadores das proposições dos Executivos.

Chefe da Alba parabenizou os edis pelo espaço, falou de sua satisfação em poder concretizá-lo e chamou de brilhante o trabalho de Edylene Ferreira à frente da UVB. “Estou realizado com esta Casa. O lugar do vereador deve ser mesmo junto ao Legislativo estadual. Não poderia ser na sede da UPB (União dos Municípios da Bahia), pois o papel do vereador é fiscalizar, e o do prefeito é executar e por isso deve ser fiscalizado”, disse.




Comentários